Avaliação do Tópico:
  • 0 votos - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
You face Jaraxxus
#11
@Eddy: Você compreende que ninguém vai usar isso quando estiver com MAIS de 15 de HP certo? E a grande diferença entre o Jaraxxus e essas outras cartas que você falou são possibilidades de counter ou facilidade de prever elas. Todas essas cartas que você comentou podem ser counteradas com um simples Silence ou creature removal e os combos que vocês comentou são justamente isso: Combos. Você precisa ter todas aquelas cartas na mão e controlar o jogo para que a situação para utilizar o combo apareça. Combo de Unleash The Hounds por exemplo, você precisa ficar segurando seus bichinhos na mão e ter certeza que o oponente esteja aberto para o ataque.



Não só isso como a maioria dos seus exemplo os deck é buildado em volta deles, é criado de certa forma da maximizar o uso dessas cartas. Jaraxxus não é assim. Ele funciona em absolutamente qualquer deck, você não precisa controlar o jogo para ele ser utilizado, você não precisa criar um combo para ele funcionar, você tira ele e segura ele na mão, se o jogo for mal você usa ele e vira o jogo, ponto final. A ÚNICA forma de você perder usando o Jaraxxus é se o oponente tiver criaturas demais na mesa ou na mão e conseguir descer elas no próximo turno, só que mais uma vez, o seu deck não gira em torno dele. Warlock é rápido por natureza e é mais provável que VOCÊ tenha muitos minions na mesa e não se oponente, você tem facilidade também em eliminar minions inimigos. Sem contar que não existe qualquer desvantagem com o Jaraxxus, Sylvanas e Ysera tem efeitos random, Leeroy dá minions para o inimigo, Tirion e Cairne tem custo alto pelos seus atributos, Deathwing por exemplo varre a mesa e a sua mão. Jaraxxus mantém todos seus minions e tudo mais.



Detalhe que justamente administrar o flow da partida e não dar all-in é a forma mais fácil do Jaraxxus aparecer e te estuprar.


[Imagem: Kriannor.png]
Responder
#12
é só jogar mantendo a mão de modo a não perder controle...



eu praticamente só jogo arena... e jaraxxus é o menor dos problemas =X
Responder
#13
Ri horrores kkkkkkk





[quote name='Eddy' timestamp='1383615890' post='3112708']

9 de custo, card damage pequeno pro momento do jogo. A parte forte é a possibilidade de gerar 6/6, mas esses 6/6 não tem taunt ou efeitos.



É um last resort, pode funcionar, e em situação de poucas cartas duel, é uma carta excelente. Mas em situação de muitas cartas, você abre toda oportunidade de perder no próximo turno.



E além do óbvio, tu baixar ele é um turno low eficiency, 1~2 turnos após baixar o jaraxxus o jogo define. Em uma circunstâncias de 9~10 de mana, 2 turnos é coisa pra caralho.



não é uma carta ruim, mas tem MUITA coisa mais over (mindcontrol, boa parte das legendarys, tipo sylvanas/ysera/leeroy/cairne/tyrion, swarm de hunter, spell combo de mage, lust/poweroverwhelming burst, um blade flurry bem dado, gorehowl/fiery turn2, defias ainda é algo que pode definir jogo, e por ai segue).



jogadas e turn 9~10 que envolvem deixar seu hero com 15 de life é perigoso, pra caramba. A dica é sempre jogar dominando o playstyle do deck, não ficar dando allin, apenas administrar o "flow" da partida se mantendo com o board control.

[/quote]



Naahhh, acho que isso aqui faz mais sentido:



[quote name='Gawayne' timestamp='1383618484' post='3112719']

@Eddy: Você compreende que ninguém vai usar isso quando estiver com MAIS de 15 de HP certo? E a grande diferença entre o Jaraxxus e essas outras cartas que você falou são possibilidades de counter ou facilidade de prever elas. Todas essas cartas que você comentou podem ser counteradas com um simples Silence ou creature removal e os combos que vocês comentou são justamente isso: Combos. Você precisa ter todas aquelas cartas na mão e controlar o jogo para que a situação para utilizar o combo apareça. Combo de Unleash The Hounds por exemplo, você precisa ficar segurando seus bichinhos na mão e ter certeza que o oponente esteja aberto para o ataque.



Não só isso como a maioria dos seus exemplo os deck é buildado em volta deles, é criado de certa forma da maximizar o uso dessas cartas. Jaraxxus não é assim. Ele funciona em absolutamente qualquer deck, você não precisa controlar o jogo para ele ser utilizado, você não precisa criar um combo para ele funcionar, você tira ele e segura ele na mão, se o jogo for mal você usa ele e vira o jogo, ponto final. A ÚNICA forma de você perder usando o Jaraxxus é se o oponente tiver criaturas demais na mesa ou na mão e conseguir descer elas no próximo turno, só que mais uma vez, o seu deck não gira em torno dele. Warlock é rápido por natureza e é mais provável que VOCÊ tenha muitos minions na mesa e não se oponente, você tem facilidade também em eliminar minions inimigos. Sem contar que não existe qualquer desvantagem com o Jaraxxus, Sylvanas e Ysera tem efeitos random, Leeroy dá minions para o inimigo, Tirion e Cairne tem custo alto pelos seus atributos, Deathwing por exemplo varre a mesa e a sua mão. Jaraxxus mantém todos seus minions e tudo mais.



Detalhe que justamente administrar o flow da partida e não dar all-in é a forma mais fácil do Jaraxxus aparecer e te estuprar.

[/quote]
Responder
#14
Alguém me explica como diabos Leeroy Jenkins é op?
Responder
#15
@Leeroy: A beleza de cada carta raramente está e olhá-la de forma isolada. Se você tiver um Taunt na mesa os 1/1 servem pra nada, se você tiver como buffar a HP do Leeroy ou como matar os 1/1 ante do próximo turno. Com a sua mesa limpa, Leeroy e um Young Brewmaster você dá 12 de dano no mesmo turno usando apenas duas cartas.



Eu não diria que o Leeroy é OP, mas ele, assim como a maioria das Legendary tem efeitos estranhos. Efeitos estranho que pegma o oponente de surpresa e te abrem estratégias que com nenhuma outra carta você consegue.


[Imagem: Kriannor.png]
Responder
#16
Ah sim, eu consigo ver alguma força dele, como alguma magia que dá 1 de dano em todo mundo, taunt, etc.. Mas o que me faz achar que ele não é tudo isso é que ele precisa ser combado para dar certo, e pode ser mais ou menos anulado. Sei lá, eu acho melhor uma Fireball mesmo pelo custo de mana haha
Responder
#17
As melhores cartas são sempre aquelas com compões combos excepcionais, não aquelas que são boas sozinhas e nada além. O detalhe do Leeroy é que ele é, NA PIOR DA HIPÓTESES, uma Fireball. Se você tiver qualquer forma de fazê-lo sobreviver aos Wyrmlings, já estará lucrando fudidamente.


[Imagem: Kriannor.png]
Responder
#18
Druidas e priests fazem ótimo uso do leroy, dobrar vida, cartas +2/2 + provocar, etc, e são classes que dificilmente não tem shattered sun cleric ou cartas de buff op.


Junte-se ao partido cogumelo camarada.
Responder


Saltar Fórum:


usuários a ver este tópico: 1 Visitante(s)